SENAI, Governo do Paraná e Fundação Araucária vão alavancar projetos contra o Covid-19

Instituições se unem para dar apoio financeiro e estrutural a projetos de diagnóstico, combate e tratamento do novo coronavírus
As empresas terão acesso aos laboratórios e pesquisadores do SENAI

A Federação das Indústrias do Estado do Paraná (FIEP), por meio do SENAI, em parceria com o Governo do Estado e a Fundação Araucária, lançou uma chamada pública de R$ 1,4 milhão para empresas paranaenses que estejam desenvolvendo projetos que ajudem no enfrentamento ao novo coronavírus.

“A FIEP possui estrutura adequada, especialistas capacitados e conhecimento técnico para contribuir na busca por soluções para esta crise sanitária, e é isso que colocamos à disposição da sociedade com o lançamento deste edital”, afirma o presidente da entidade, Carlos Valter Martins Pedro.

O diretor regional do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) do Paraná, Jose Antonio Fares, acrescenta que, nesse momento de emergência e necessidade de soluções rápidas e eficazes, o processo de inovação aberta é um dos mais efetivos.

“Procuramos encontrar bons projetos que já estejam em produção, mas que necessitem de escala e infraestrutura para atingir um grande número de pessoas. Vamos financiar e apoiar soluções para promover uma entrega mais rápida e efetiva para a sociedade”, diz.

Além do apoio financeiro para ser utilizado com a gestão dos Institutos SENAI de Tecnologia e Inovação em todo o estado, as empresas receberão o suporte de estrutura e de equipe, com acesso aos laboratórios e pesquisadores do SENAI. 

Os projetos devem envolver o diagnóstico, combate, tratamento e monitoramento da covid-19. Como exemplo, estão soluções de serviço remoto de saúde, aperfeiçoamento de equipamentos de proteção individual (EPI), diagnósticos rápidos, respiradores pulmonares, tecnologias para ressonância magnética e tomografia, além de soluções para controle, monitoramento e prevenção de disseminação do vírus. “Por meio da pesquisa e inovação, a pandemia poderá ser minimizada”, pontua Fares.

Projetos receberão aporte de até R$ 142 mil

Como participar

Os projetos receberão aporte de até R$ 142 mil e precisam ser executados em até quatro meses. Podem participar da seleção empresas de qualquer porte com sede no estado do Paraná. As inscrições devem ser feitas pelo site do projeto, chamado Saúde Tech PR, até o dia 03 de maio.

A Indústria contra o coronavírus: vamos juntos superar essa crise

Acompanhe todas as notícias sobre as ações da indústria no combate ao coronavírus na página especial da Agência CNI de Notícias.

Relacionadas

Leia mais

Estudo da FINDES mostra como países retomaram a economia após crise do coronavírus
SENAI Amapá doa mais de 600 protetores faciais para profissionais de saúde
SENAI Cimatec cria túnel de desinfecção para profissionais de saúde

Comentários