Conheça as iniciativas das empresas de telecomunicação para enfrentar o coronavírus

Internet extra, liberação de canais e mensagens que alertam dos cuidados necessários são algumas das atitudes que estão auxiliando a reduzir o contágio de covid-19 no Brasil
Telecomunicações vão fornecer um pacote de dados ao MCTIC para ajudar no monitoramento da covid-19

Quando o novo coronavírus chegou no Brasil, uma série de medidas foi tomada, sobretudo o isolamento social e o monitoramento da população. Com mais gente em casa e maior necessidade de dados, as empresas de telecomunicações têm um papel fundamental para atender à demanda, tanto da população quanto das autoridades. 

Organizadas em um documento da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), publicado dia 20 de março, as ações incluem o envio de mensagens informativas (sms) sobre o Covid-19 para clientes e disponibilizar formas flexíveis de pagamento. As iniciativas contam com o apoio do Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviço Móvel Celular e Pessoal (Sinditelebrasil).

Além disso, as operadoras Algar Telecom, Claro, Oi, Tim e Vivo vão fornecer ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) um pacote de dados para monitorar mobilidade populacional, deslocamentos, pontos de aglomeração e identificar situações de concentração de pessoas e risco de contaminação pelo novo coronavírus.  

Nessa solução, mobilizada pelo sindicato, os dados estarão em nuvem pública e organizados de forma agregada, estatística e anônima, de acordo com as normas da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) e do Marco Civil da Internet. 

As empresas vão ainda desenvolver um aplicativo para auxiliar os órgãos públicos no mapeamento da evolução da epidemia do novo coronavírus. Segundo o Sinditelebrasil, a iniciativa poderá evoluir no futuro e contar com outras empresas, universidades e startups.

Para quem está em casa

Algumas operadoras também decidiram oferecer gratuitamente alguns serviços para quem está em isolamento. 

A Tim, por exemplo, está dando bônus de dados para os clientes de telefonia móvel que acessam o aplicativo Meu Tim. Para quem tem o plano pré-pago, estão sendo liberados até 100 MB adicionais por dia junto com vídeos educativos sobre a covid-19, doença causada pelo novocoronavírus.

Algumas empresas liberaram internet extra para quem possui banda larga fixa

Já a Claro aumentará gradativamente a velocidade para todos os assinantes da banda larga fixa, para melhorar a experiência dos clientes que estão em casa. A ampliação da velocidade foi concedida a todos os clientes, sem qualquer custo.

Entre as empresas de televisão, canais jornalísticos, esportivos e de entretenimento como Sport TV, Viva e os filmes do Telecine tiveram o sinal aberto. A Claro/Net, Sky, Vivo e Oi Tv são algumas das operadoras de TV por assinatura que aderiram a iniciativa.

A Indústria contra o coronavírus: vamos juntos superar essa crise

Acompanhe todas as notícias sobre as ações da indústria no combate ao coronavírus na página especial da Agência CNI de Notícias.

Relacionadas

Leia mais

VÍDEO: A indústria contra o coronavírus - case SESI/SENAI Distrito Federal
SENAI Amazonas cria respirador para pacientes infectados por coronavírus
SENAI/AP produz máscaras de proteção para profissionais de saúde

Comentários