SESI leva festa junina para população do Maranhão em tempos de pandemia

Projeto Arraiá Volante do SESI apresenta grupos de diversos sotaques. As apresentações seguem as normas e os cuidados necessários para combater o coronavírus
O projeto foi oficialmente lançado no dia 17 de junho, com a primeira apresentação no condomínio Rio Pericumã

O Bumba Meu Boi do Maranhão é Patrimônio Cultural do Brasil e Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade, reconhecimento dado pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), por constituir um complexo cultural que compreende uma variedade de estilos, multiplicidade de grupos e, principalmente, porque estabelece uma relação intrínseca entre a fé, a festa e a arte, fundamentada na devoção aos santos juninos, nas crenças em divindades de cultos de matriz africana e na cosmogonia e lendas da região.

No Maranhão existem mais de 300 grupos de Bumba Meu Boi nos diversos sotaques, que animam os arraiais das cidades ao longo do mês de junho. Esse ano, com a pandemia, só dá para curtir o São João em casa, seja por lives, ou pelo Arraiá Volante do Serviço Social da Indústria (SESI) do Maranhão. A instituição transformou seu arraial, um dos mais tradicionais da Grande Ilha de São Luís, e está levando todo o brilho, a magia e a alegria da festa junina para dentro dos condomínios da capital maranhense.

De forma resumida, o batalhão de antes formado por 120 pessoas, deu lugar a um grupo de apenas 14 pessoas. Todos paramentados com figurino colorido, máscaras de proteção para garantir a segurança e muita animação para garantir o mesmo brilho dos anos anteriores. São músicos, cantores, dançarinos e o boi, personagem principal da festa, que levam a alegria do São João para quem está com saudade dessa celebração de São João.

“É muito valiosa essa oportunidade que o SESI está nos dando de ter um São João em um formato diferente, mas que vai matar um pouco a saudade das pessoas. Levar alegria para as pessoas que estão só pensando nessa pandemia. Assim a gente muda o foco, ainda mais, com o São João que é uma festa nossa! Obrigado ao SESI por ter proporcionado esse momento para nós do Boi de Axixá e para a comunidade!”, destacou a presidente do Boi de Axixá, Leila Naiva, filha do fundador do boi e um dos ícones da cultura maranhense, Francisco Naiva.

É preciso agendar as apresentações

As apresentações acontecem de forma gratuita nos condomínios previamente agendados pela entidade. Essa semana, mais dois condomínios se transformam em arraial com as apresentações dos bois de Maracanã e Brilho da Ilha.

“O arraial volante é uma iniciativa da instituição para minimizar os impactos emocionais e psicológicos causados pelo distanciamento social. Além disso, buscamos fortalecer a marca da cultura junina maranhense tão forte no nosso Estado e dizer que o SESI também é cultura”, destacou o superintendente regional do SESI/MA, Diogo Lima.

Da janela dos apartamentos ou mesmo no pátio do condomínio, mantendo todas as regras de segurança e saúde, os moradores com máscaras, e de todas as idades apreciam a festa reservada de São João. 

A Indústria contra o coronavírus: vamos juntos superar essa crise

Acompanhe todas as notícias sobre as ações da indústria no combate ao coronavírus na página especial da Agência CNI de Notícias

Relacionadas

Leia mais

A inovação que cuida e cura
Confira a programação de lives da indústria durante a pandemia
Combate à Covid-19: conheça as ações das federações das indústrias

Comentários