Decisão do Banco Central indica fim do atual ciclo de aumento dos juros, avalia CNI

Período de aumento da taxa Selic chegou ao fim

A manutenção dos juros básicos da economia em 11% ao ano foi uma decisão acertada do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central e indica que o atual período de aumento da taxa Selic chegou ao fim. A avaliação é da Confederação Nacional da Indústria (CNI). “O término do ciclo de alta dos juros é necessário para evitar que o custo da redução da inflação recaia preponderantemente sobre o setor produtivo”, afirma a CNI. 

A instituição lembra, no entanto, que as sucessivas elevações dos juros desde abril de 2013 foram insuficientes para colocar a inflação em patamares menores. O Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) acumulado em 12 meses está em 6,28% e deve continuar próximo de 6,5%, teto da meta estabelecida pelo governo. 

Por isso, a CNI entende que são necessárias outras ações para que a inflação volte ao centro da meta, que é de 4,5%. Na avaliação da entidade, as iniciativas adotadas na política monetária devem ser complementadas por medidas na área fiscal, para minimizar os efeitos do aumento dos juros sobre a atividade produtiva. 

Relacionadas

Leia mais

Manutenção dos juros baixos depende do ajuste das contas públicas, alerta CNI
Indústria espera corte mais ousado nos juros, diz CNI
Nova alta dos juros dificulta retomada do crescimento econômico, avalia CNI

Comentários