SENAI entregou 300 mil máscaras de tecido ao governo do Distrito Federal

A fabricação das máscaras vem sendo feita por indústrias do setor do vestuário, a maioria delas micro e pequenas
A ação é parte de uma força-tarefa para a produção de um milhão de máscaras

Até o dia 20 de maio, o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) do Distrito Federal e o Instituto Euvaldo Lodi (IEL) entregaram ao governo do DF 300 mil máscaras de tecido reutilizáveis para distribuição para a população da capital do País.

A ação é parte de uma força-tarefa para a produção de um milhão de máscaras. O primeiro lote, de 454 mil unidades, está em fabricação por meio de convênio entre o Banco de Brasília (BRB), o SENAI, o IEL e o Sindicato das Indústrias do Vestuário (Sindiveste/DF).

O uso das peças passou a ser obrigatório em locais públicos desde o dia 30 de abril, como forma de reduzir a disseminação do novo coronavírus, causador da covid-19. Na mesma data ocorreu a entrega da primeira remessa ao governo, que é responsável pela distribuição em locais como estações do metrô e terminais de ônibus.

A fabricação das máscaras vem sendo feita por indústrias do setor do vestuário, a maioria delas micro e pequenas, portes que representam mais de 95% do setor do vestuário no DF. Pelo convênio, as empresas recebem tecido e elásticos e ficam responsáveis pelo corte, pela costura e pelo acabamento final ou por executar o processo completo de confecção.

O SENAI, em parceria com o Sindiveste/DF, deu suporte técnico às empresas, está recebendo os produtos prontos e fazendo o controle de qualidade antes da entrega final. Vídeos técnicos também foram disponibilizados para orientar os trabalhos.

Edital de credenciamento está aberto

Pessoas jurídicas do setor do vestuário e organizações sociais que tenham interesse em fazer parte da força-tarefa devem se credenciar no edital do IEL, que foi reaberto por tempo indeterminado. 

No arquivo, que pode ser encontrado no site da instituição, também há a lista de documentos que devem ser apresentados e os detalhes da contratação, como o valor pago para a empresa pela produção. O envio da ficha preenchida e dos documentos pode ser feito pelo e-mail: mascaras@sistemafibra.org.br.

Caso a empresa prefira entregar os documentos de forma física, poderá fazê-lo no edifício-sede da Federação das Indústrias do Distrito Federal (FIBRA), no Setor de Indústria e Abastecimento (SIA), Trecho 3, lote 225, nos dias úteis, de segunda a sexta-feira, das 9h às 12h e das 13h30 às 17h30.

O Sindiveste/DF está disponível para dar suporte às empresas no credenciamento, pelo e-mail: recepcao.sindiveste@gmail.com ou pelo telefone (61) 3234-0414, nos dias úteis, das 8 às 17h.

A Indústria contra o coronavírus: vamos juntos superar essa crise

Acompanhe todas as notícias sobre as ações da indústria no combate ao coronavírus na página especial da Agência CNI de Notícias.

Relacionadas

Leia mais

Instituto SENAI de Inovação Biomassa poderá fazer testes de Covid-19 a partir de julho
Professores do SENAI do Paraná desenvolvem cartilha sobre ensino a distância
SENAI finalizou o conserto de 17 ventiladores pulmonares no Distrito Federal

Comentários