FIEP já entregou mais de 21 mil máscaras em todo Paraná

Equipamentos estão sendo fabricados em conjunto com outras entidades em quatro unidades do estado
Até o dia 11 de maio já foram entregues mais de 21 mil faceshields

Para contribuir no combate à covid-19 em todo o Paraná, a Federação das Indústrias do Estado do Paraná (FIEP), junto com uma grande rede de voluntários, está se dedicando à produção de máscaras faciais (faceshields) para uso de profissionais de saúde de todo o estado, em parceria com indústrias, outras entidades e também com a Coordenadoria Estadual da Defesa Civil.

Até o dia 11 de maio foram entregues mais de 21 mil máscaras. As unidades envolvidas na confecção são da Cidade Industrial de Curitiba, por meio do FABLAB da Indústria; de Maringá, pelo Instituto SENAI de Tecnologia em Metalmecânica; e de São José dos Pinhais e Londrina com as Faculdades da Indústria.

Somente o FABLAB da Indústria (CIC), já forneceu mais de 16 mil máscaras com a entrega recente de mais de 4 mil unidades. “Com essa iniciativa, pretendemos dar mais uma contribuição para a sociedade no combate à covid-19, além da manutenção de respiradores, que também está sendo feita nesta unidade”, comenta a gerente do SENAI da CIC, Tânia Mara Rinaldi.

Produção com injeção plástica e impressão 3D

No FABLAB da Indústria o processo funciona da seguinte forma: indústrias da região fabricam os suportes das máscaras por meio de injeção plástica, que são entregues à equipe do SENAI, que fabrica os visores com acetato e separa os kits para entrega a profissionais de saúde. Já a distribuição fica por conta de uma equipe da Defesa Civil. Os materiais utilizados na produção das máscaras são oriundos de recursos próprios ou doações de parceiros.

Já no IST em Metalmecânica, a produção dos suportes com injeção plástica está sendo realizada na própria unidade, mas os visores estão sendo fornecidos por parceiros.

Enquanto isso, nas unidades das Faculdades da Indústria em São José dos Pinhais e Londrina estão produzindo os suportes por meio de impressão 3D.

Além da capital, alguns dos municípios que já foram contemplados com a doação das 17 mil máscaras são: Colombo, Quatro Barras, Mandirituba, Guaratuba, Matinhos, Morretes, Antonina, Cascavel, Toledo, Maringá, Paranavaí, Londrina, Umuarama, entre outros.

Em todo o Brasil, estima-se que cerca de 3,6 mil ventiladores pulmonares estão fora de operação

Iniciativa Mais Manutenção de Respiradores

Além da produção e preparação de kits de máscaras faciais, as equipes do FABLAB da CIC e do IST em Metalmecânica também estão fazendo a manutenção de respiradores danificados. Em Curitiba, desde o dia 24 de abril, a unidade recebeu 23 equipamentos para reparo e todos foram classificados como aptos para manutenção.

Já em Maringá, o serviço teve início no dia 1º de abril e desde então, a unidade já recebeu 54 aparelhos, sendo que 16 já foram consertados e devolvidos às unidades de origem.

Qualquer hospital de Curitiba e região que tenha algum equipamento desses parado e queira realizar a manutenção pode entrar em contato com o FABLAB da CIC ou com o IST em Metalmecânica, em Maringá, para solicitar o serviço. Somente a desinfecção e o transporte dos aparelhos para a unidade da CIC ficam a cargo dos hospitais.

O tempo para devolução do equipamento já pronto para ser utilizado novamente depende das condições de cada aparelho ao chegar ao SENAI.

Em todo o Brasil, estima-se que cerca de 3,6 mil ventiladores pulmonares estão fora de operação, de acordo com a LifesHub Analytics e Associação Catarinense de Medicina (ACM).

A Indústria contra o coronavírus: vamos juntos superar essa crise

Acompanhe todas as notícias sobre as ações da indústria no combate ao coronavírus na página especial da Agência CNI de Notícias.

Relacionadas

Leia mais

FIRJAN mobiliza empresas do setor têxtil para produzir 2,5 milhões de máscaras
FIEMG vai fornecer testes rápidos para a indústria
FIEPE entrega mais de 40 mil EPIs para hospitais do Recife

Comentários