Equipes de robótica de SP e RJ vencem prêmios no Torneio de Robótica de Arkansas, nos Estados Unidos

Disputa internacional reuniu mais de 80 times de 11 países. As únicas duas representantes brasileiras foram premiadas
A equipe paulista AC/DC/EG ficou entre os finalistas da disputa

Estudantes brasileiros foram premiados no Torneio de Robótica de Arkansas, nos Estados Unidos. O time de garagem Stan Geek, do Rio de Janeiro, conquistou o 1º lugar em Estratégia e Inovação, além de levar o 8º lugar em Desempenho do Robô. Já a equipe AC/DC/EG, do Colégio Eduardo Gomes, de São Caetano do Sul (SP), ficou entre os finalistas da competição e ficou em 2º lugar também em Desempenho do Robô. 

As equipes foram as únicas representantes do Brasil na disputa internacional, que reuniu mais de 80 times de 11 países. A classificação para o torneio foi conquistada no Festival SESI de Robótica, no Rio de Janeiro, em março.

Para o estudante Eduardo Tamaributi, 14 anos, da AC/DC/EG, a dedicação do grupo foi essencial para alcançar os resultados. "Nós começamos com a visão de que todos que estivessem na equipe teriam que se dedicar ao máximo. A evolução dos projetos de pesquisa e robô foi consequência da dedicação de todos nós e, assim, foi muito mais fácil fazer as coisas fluírem", disse.

O técnico da equipe José Reginaldo Pereira avalia que foi uma temporada de ouro. “A disputa nos Estados Unidos foi uma grande jornada para todos nós. Conseguimos fazer compartilhamento de projetos de pesquisa e robôs. E esta foi a melhor temporada em toda histópria da equipe, desde que foi criada, em 2007. Foram 7 prêmios agora em 2019. A gente fez o nosso melhor trabalho, nos esforçamos e nos dedicamos muito", completou.

Concentração da equipe carioca na arena de competição

Para a estudante Ana Carolina Izecksohn,17 anos, da Stan Geek, as conquistas foram resultado de treinos intensos. "Todos os dias da semana eu ia para o treino de robótica. Passava várias horas junto com toda a equipe. Além disso, teve a nossa determinação".

MAIS EQUIPES PELO MUNDO - Outras duas equipes brasileiras classificadas no Festival SESI de Robótica participam, esta semana, de outra competição internacional: é o Aberto Internacional da Turquia, que teve início nesta quarta-feira (22) e segue até sábado (25). Os times Lego Bros, do SESI de São Gonçalo do Sapucaí (MG), e a Robotics School, do SESI de Ourinhos (SP), são os representantes do Brasil. 

Na semana que vem começa o único torneio da FIRST e LEGO na América Latina, o Aberto do Uruguai. A disputa vai reunir o maior número de equipes brasileiras: oito no total.  O evento será realizado de 30 de maio a 1º de junho. Serão três equipes do SESI de São Paulo:  X-Force (Bauru), Biotech (Barra Bonita) e Big Bang (Birigui), uma do SESI de Alagoas: Robocamb (Maceió) e uma do SESI de Brasília: Legofield. 

As outras três são de escolas do Rio Grande do Sul: Galilegos (Colégio Santa Inês - Porto Alegre), Tecnoway (Rede Caminho do Saber - Caxias do Sul) e Just4Fun (Colégio Marista Pio XII - Novo Hamburgo). O torneio em Montevidéu vau reunir 66 equipes de países como Argentina, Colômbia, México, Estados Unidos, Espanha, África do Sul e Israel.

REDES SOCIAIS - Acompanhe os resultados das etapas internacionais aqui na Agência CNI de Notícias e nos perfis do Torneio no Instagram e Facebook

Relacionadas

Leia mais

Brasil é finalista em prêmio internacional de inovação em robótica
Estudantes brasileiros participam de torneios de robótica nos Estados Unidos, Turquia e Uruguai
Ana Maria Braga mostra história de superação de aluno de robótica do SESI

Comentários