Brasil Indústria: o ano começa com inovação

Nesta semana, a indústria inova com cursos, projetos e muita oportunidade para trabalhadores!

O ano de 2022 chegou e a indústria começou o ano investindo em educação, emprego, pesquisa e saúde dos trabalhadores. O Brasil Indústria, coluna semanal da Agência de Notícias da Indústria, traz toda sexta-feira as principais ações do que aconteceu na indústria dos estados. Vem conferir!

O principal destaque da semana foi na capacitação de trabalhadores, na educação dos jovens e no desenvolvimento profissional. O Serviço Social da Indústria (SESI) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) juntam esforços para proporcionar novas oportunidades de cursos, eventos, webinar e muito mais para colaboradores. 

No Instituto Euvaldo Lodi (IEL), as ações foram voltadas para aumento da empregabilidade e inserção de jovens e estudantes no mercado de trabalho. 

Inovação, educação e oportunidades!

A FIEG + Solidária promoveu mais uma ação de amor e respeito às famílias goianas. O programa de responsabilidade social da FIEG distribuiu 400 cestas de donativos a 20 instituições filantrópicas do Estado de Goiás, no drive thru da Casa da Indústria. A distribuição faz parte da Campanha Natal do Bem e contou mais uma vez com a contribuição de empresas parceiras e sindicatos do setor produtivo. Saiba mais! 

No Pará, o SENAI lança o Programa Transformar, que inicialmente vai oferecer 30 bolsas de estudo para cursos técnicos de eletrotécnica e eletromecânica em São Luís (MA), Cuiabá (MT) e Parauapebas (PA). O projeto também inclui uma bolsa de R$ 300 por mês para cada aluno, mas não existirá vínculo empregatício. No entanto, havendo oportunidades, o aluno poderá integrar o time da Mills em estágios técnicos a partir de junho de 2022. Confira! 

No Mato Grosso do Sul, com o lançamento da campanha “Não vacile, vacine”, mais de 10,7 mil pessoas procuraram as unidades de saúde em Campo Grande para tomar a primeira ou a segunda dose contra a covid-19. Esse é o saldo positivo da ação promovida pela FIEMS. Mais informações no site da FIEMS. 

Para quem quer começar o ano de 2022 focado em melhorar a experiência do cliente ou desenvolvendo o poder de falar em público, o SESI-PE está com inscrições abertas para os cursos gratuitos e online “Satisfação do Cliente” e “Habilidades para Falar em Público”. Ao todo, são 200 vagas, sendo 100 para cada curso. As inscrições podem ser realizadas pelo site pe.sesi.org.br até o dia 15 de janeiro ou até as vagas serem preenchidas. Para realizar os cursos, é preciso ter, no mínimo, 16 anos, e-mail, acesso à internet e noções básicas de informática. Saiba mais!

A inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (IPCA) deverá encerrar 2021 em 10,1% e a expectativa é de uma desaceleração para 5,8% ao final de 2022. Porém, a convergência para o centro da meta de 3,25% só deverá ocorrer em 2023, projeta a FIERGS, que apresentou seu Balanço 2021 e Perspectivas 2022. 

Há três anos, o SESI-MT e o SENAI-MT deram início a uma experiência pioneira na implementação do novo ensino médio, reforma da grade curricular aprovada por lei federal em 2017. Em dezembro de 2021, as primeiras turmas foram diplomadas em cerimônia realizada no Senai Cuiabá, com a participação de familiares, gestores e professores. Protagonistas desta experiência inovadora, 126 estudantes, sendo 59 da unidade de Várzea Grande, e 67 da unidade de Cuiabá, receberam, além do tradicional certificado de conclusão, os diplomas de técnicos nas áreas de Redes de Computadores e Eletrotécnica.

Turmas foram diplomadas em cerimônia realizada no Senai Cuiabá, com a presença de pais e professores.

Depois de ampla defesa da FIEPE, o Governo de Pernambuco sancionou, na última quarta-feira (5), a Lei do Gás. Com as novas regras, empresas que consumirem a partir de 50 mil metros cúbicos por dia (m³/dia) poderão comprar esse insumo com outros fornecedores, e não somente com a concessionária de gás do Estado. Antes, essa permissão estava limitada às empresas que consomem a partir de 500 mil m³/dia. A Lei vai permitir, ainda, que o acesso seja feito de modo escalonado com o passar dos anos: até 2025, essa liberação será ampliada para qualquer empresa que tenha consumo acima de 10 mil m³/dia. Confira!

A cidade de Montes Claros, no Norte de Minas, recebeu a primeira remessa de cestas básicas adquiridas pela FIEMG para distribuição entre moradores afetados pelas fortes chuvas na região. Mais ações solidárias, você encontra no site da FIEMG

Relacionadas

Leia mais

5G: o que a nova tecnologia vai mudar na sua vida?
Da invisibilidade nas ruas ao curso de psicologia: porteiro de 60 anos participa do Enem
É preciso acelerar o ritmo do crescimento

Comentários