Sistema de inteligência artificial poderá medir febre das pessoas a distância

Projeto será desenvolvido em parceria com o Instituto SENAI de Sistemas Embarcados, de Florianópolis. Outro projeto prevê a criação de um spray antiviral, com a participação da Weg Tintas
Instituto SENAI de Inovação de Florianópolis desenvolve sistemas de inteligência artificial

Uma plataforma de software de visão computacional e inteligência artificial para a detecção à distância de pessoas febris, proposto por uma empresa catarinense, é um dos 25 projetos de inovação aprovados no Edital de Inovação da Indústria, da Confederação Nacional da Indústria (CNI), na categoria Missão Covid-19.

O sistema vai utilizar câmeras termais para identificar pessoas com febre e enviar um alerta para que ela seja encaminhada aos serviços de saúde. A ideia é que a plataforma monitore ambientes industriais e comerciais, permitindo uma retomada segura das atividades produtivas no país e maior controle da covid-19.

Idealizado pela Opto, empresa localizada em São Carlos (SC), o projeto será desenvolvido em parceria com o Instituto SENAI de Inovação em Sistemas Embarcados, de Florianópolis. 

Em três etapas, o Edital já selecionou 25 projetos na categoria Missão Covid-19, aos quais serão destinados R$ 24,5 milhões aportados pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), pela Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii) e pela Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI). 

Outra solução escolhida na terceira etapa é o desenvolvimento de um revestimento antiviral de fácil aplicação, por meio de spray, baseado em nanopartículas de prata. O revestimento poderá ser aplicado em superfícies como maçanetas de portas, puxadores de armários, mesas e bancadas, balcões de atendimento, corrimões de escadas e corredores, entre outros.

O projeto foi apresentado pela TNS Nanotecnologia e pela Paumar (WEG Tintas) e será realizado em parceria com o Instituto SENAI de Inovação em Eletroquímica, em Curitiba.

15 projetos já haviam sido selecionados

Nas duas etapas anteriores, já haviam sido escolhidos 15 projetos, que propuseram, entre outras medidas, o desenvolvimento de um sistema de desinfecção para transportes públicos com raios ultravioleta do tipo C (UV-C); a fabricação de um monitor de fácil manuseio para diagnóstico rápido de pacientes com deficiência pulmonar e a adaptação de ventiladores pulmonares veterinários para uso por humanos.

Ainda serão selecionadas propostas em uma quarta etapa. O Edital de Inovação para a Indústria vai investir, no total, R$ 30 milhões em projetos da categoria Missão Covid-19. Todas as ideias serão desenvolvidas na rede de 27 Institutos SENAI de Inovação e 60 Institutos SENAI de Tecnologia distribuídos pelo país. 

“Neste momento precisamos somar esforços para ajudar no combate ao Covid-19. A parceria entre Embrapii, ABDI e SENAI busca trazer bons projetos que apresentem solução de curto prazo. Como instituição ligada ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e Ministério da Educação (MEC), a Embrapii tem buscado apoiar o máximo possível a inovação na indústria”, afirma o diretor de Planejamento e Gestão da Embrapii, José Luis Gordon.

“Um dos diferenciais dos Institutos SENAI de Inovação é a capacidade de apoiar a indústria nacional a desenvolver soluções inovadoras de forma rápida e em escala nacional”, afirma o diretor-geral do SENAI, Rafael Lucchesi.

”A rede conta com a parceria da Embrapii, que tem o mecanismo de financiamento de projetos inovadores mais ágil e desburocratizado do país, e da ABDI no fomento de projetos e na articulação de mecanismos de apoio à inovação. As parcerias são fundamentais para superarmos o grande desafio colocado pelo novo coronavírus”, completa.

“Nesta etapa da ação Missão Covid-19, a parceria SENAI-ABDI-Embrapii seleciona projetos robustos e de grande potencial para contribuir com as medidas de combate, diagnóstico da doença e tratamento dos pacientes. Em pouco tempo, as soluções poderão ajudar a conter a pandemia e trazer um cenário de maior segurança para os brasileiros”, afirma o presidente da ABDI, Igor Calvet.

A Indústria contra o coronavírus: vamos juntos superar essa crise

Acompanhe todas as notícias sobre as ações da indústria no combate ao coronavírus na página especial da Agência CNI de Notícias.

Relacionadas

Leia mais

A indústria essencial hoje, amanhã e depois
Indústria cria programa para ajudar catadores de materiais recicláveis
As mais lidas na Agência CNI de Notícias

Comentários