Covid-19: FIEP empresta impressora 3D para confecção de máscaras

Unidade que fica na cidade de Pato Branco atua em conjunto com a Universidade Tecnológica Federal do Paraná e as startups Tesserato e Compre 3D
Os equipamentos são distribuídos para a Unidade de Pronto de Atendimento e hospitais

Para contribuir no combate ao Covid-19, a Aceleradora da Federação das Indústrias do Paraná (FIEP) na cidade de Pato Branco emprestou a impressora 3D para a Secretaria Municipal de Saúde do município do Sudoeste do Paraná. O objetivo é confeccionar máscaras faciais para profissionais de saúde, em uma iniciativa em conjunto com a Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) e as startups Tesserato e Compre 3D.

De acordo com a analista de Inovação da Aceleradora, Karla Andreane Holub, desde o dia 23 de março, somando-se as seis impressoras emprestadas na cidade, foram confeccionadas 43 máscaras.

“Os equipamentos já foram distribuídos a profissionais da Unidade de Pronto Atendimento e de hospitais, que confirmaram que as máscaras são ergonômicas e já estão em uso”, conta.

No entanto, a quantidade confeccionada ainda é pequena diante da necessidade do município. “A prefeitura nos informou que o ideal é que tivéssemos pelo menos 250 máscaras na cidade. Por isso, estamos pedindo a contribuição da população, seja com empréstimos de outras impressoras, doação de matéria-prima ou mesmo doação em dinheiro para compra do material”, diz a analista.

A matéria-prima utilizada na confecção, explica Karla, são filamentos plásticos, como PLA, ABS e PET G. “Também é utilizado acetato para o plástico que vai na frente da máscara, esse item já conseguimos por meio de uma doação da própria Prefeitura. O que precisamos mesmo são os filamentos. O ideal seria que a população nos ajudasse a levantar os valores para compra”.

Aceleradora Sistema FIEP

Inaugurada em 2018, a Aceleradora de Pato Branco foi a primeira unidade deste tipo de serviço do interior do Paraná. Desde então, outras sete aceleradoras já foram criadas no estado, em Londrina, Maringá, Toledo, Cascavel, Ponta Grossa, Francisco Beltrão e uma segunda unidade na capital paranaense, no bairro Cidade Industrial de Curitiba (CIC).

Junto com sete institutos de tecnologia, dois institutos de inovação, o Hub de Inteligência Artificial e o Centro de Mobilidade Sustentável, as nove aceleradoras do estado integram o ecossistema de inovação do SENAI no Paraná, que tem como objetivo dar apoio às indústrias paranaenses em sua modernização e atualização.

Veja como ajudar

Quem puder colaborar com empréstimos de impressoras ou doação de matéria-prima, deve entrar em contato pelo e-mail: karla.holub@sistemafiep.org.br ou pelo Whatsapp:(46) 99120-9664. Se preferir, faça contato direto com a Secretaria Municipal de Ciência Tecnologia e Inovação de Pato Branco, pelo telefone: (46) 3220-6080 (Douglas).

A Indústria contra o coronavírus: vamos juntos superar essa crise

Acompanhe todas as notícias sobre as ações da indústria no combate ao coronavírus na página especial da Agência CNI de Notícias.

Relacionadas

Leia mais

O aprendizado não pode parar
FIEMS oferece Centro de Convenções para ser usado como hospital de campanha
VÍDEO: A indústria contra o coronavírus - case SENAI Cimatec

Comentários