Comandante do Exército recebe homenagem da CNI

Em cerimônia no Quartel General do Exército, em Brasília, o presidente da CNI, Robson Braga de Andrade, entregou a medalha da Ordem do Mérito Industrial ao comandante do Exército, general Villas Bôas
A medalha é um reconhecimento da indústria a brasileiros ilustres

O comandante do Exército Brasileiro, general Eduardo Dias da Costa Villas Bôas, recebeu nesta quarta-feira (21) a Medalha da Ordem do Mérito Industrial da Confederação Nacional da Indústria (CNI). A medalha foi entregue pelo presidente da CNI, Robson Braga de Andrade, em cerimônica no Quartel General do Exército, em Brasília. A comenda, criada há mais de meio século, expressa o reconhecimento da indústria a brasileiros ilustres, que tenham contribuído para o fortalecimento do setor e para o desenvolvimento do país. A indicação da medalha para o general foi feita pelo presidente da Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (FIEAM), Antônio Carlos Silva.

"A comenda é a reafirmação de que, na Amazônia, o general Villas Bôas realizou um trabalho notável, como cidadão, como profissional e, para citar o lema do Exército, como 'braço forte e mão amiga' do povo brasileiro", afirmou Andrade.

Ainda durante seu discurso, o presidente da CNI destacou que embora aparentemente tão diferentes, a indústria e o Exército têm propósitos, compromissos e objetivos absolutamente convergentes."Cada um ao seu modo – e muitas vezes da mesma forma –, indústria e Exército trabalham pelo país e pela sociedade: a indústria gerando riqueza, empregos e bem-estar para a população; o Exército garantindo paz, segurança e tranquilidade, ao cumprir seu papel constitucional. A indústria aproveitando o ambiente de paz para produzir cada vez mais e melhor. O Exército assegurando a unidade nacional", finalizou.

TRAJETÓRIA - A carreira do general Villas Bôas começou em 1967, com o ingresso na Escola Preparatória de Cadetes do Exército, em Campinas (SP). Parcela expressiva destes mais de cinquenta anos de serviço público como oficial do Exército Brasileiro foi dedicada a uma das mais importantes regiões do país: a Amazônia. O general exerceu cargos da mais alta relevância: Comandante do 1º  Batalhão de Infantaria de Selva, em Manaus; Chefe do Estado-Maior do Comando Militar da Amazônia e Comandante Militar da Amazônia.

Relacionadas

Leia mais

Como se destacar em feiras internacionais de negócios
Parceria entre CNI e Instituto Rio Branco leva diplomatas ao chão de fábrica
SENAI promove tecnologia automotiva de ponta no Brasil

Comentários