SESI lança em São Paulo o Centro de Inovação Estilo de Vida e Saúde

A nova unidade integra a rede de centros temáticos do SESI voltados à pesquisa aplicada de soluções inovadoras em saúde e segurança do trabalho
Os gerentes do SESI Emmanuel Lacerda e Eduardo Carreiro na inauguração do novo Centro na sede da FIESP

O Serviço Social da indústria  (SESI) lançou nesta terça-feira (4), em São Paulo, a nona unidade de sua rede de centros temáticos voltados à pesquisa aplicada e soluções inovadoras em saúde e segurança do trabalho. O Centro de Inovação SESI Estilo de Vida e Saúde está baseado no edifício-sede da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (FIESP), na Avenida Paulista, mas terá atuação nacional, como os demais centros do SESI.

O foco do Centro de Inovação será desenvolver inovações que ajudem a indústria e os trabalhadores a enfrentarem os principais fatores de risco modificáveis relacionados às doenças crônicas não transmissíveis (DCNT) – sedentarismo, a alimentação inadequada, tabagismo e o uso abusivo de álcool. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), as DCNT matam anualmente cerca de 41 milhões de pessoas, o que equivale a 71% do total de mortes. 

"Já temos no SESI de São Paulo um lastro muito forte de programas inovadores nas áreas de alimentação e de atividade física, além de profissionais e conhecimento, com grande potencial de crescimento de inovação. Tudo isso já dentro de um conceito de saúde, de prevenção de doenças crônicas", afirmou o gerente-executivo de Saúde e Segurança na Indústria do SESI, Emmanuel Lacerda. O objetivo, ele ressalta, é que esse expertise se transforme em referência para o Brasil.

Segundo Lacerda, o desafio do Centro de Inovação SESI Estilo de Vida e Saúde, assim como dos demais Centros de Inovação SESI, é gerar uma base de conhecimento que se conecte ao mercado por meio do SESI Viva+: "Um passo importante nessa estratégia de inovação do SESI é que todas as soluções desenvolvidas, a partir da demanda da indústria, em pesquisa aplicada, sejam embarcadas na plataforma do SESI Viva+, de forma que se transforme em serviços escalados nacionalmente, aos quais as empresas tenham acesso direto para utilização junto a sua gestão e a sua estrutura de programas para os trabalhadores".

O gerente-executivo de Esporte e Promoção da Saúde do SESI (SP), Eduardo Carreiro, explica que a partir de uma pesquisa de palavras-chaves e cruzamento de temas mais freqüentes em estudos internacionais na área foram definidas as linhas de pesquisa preliminares do Centro de Inovação. Preliminares porque poderão ser reforçadas ou substituídas, de acordo com as necessidades e as demandas das indústrias brasileiras. 

Para Carreiro, será preciso acionar as empresas para que tragam situações a serem estudadas no centro e que resolvam problemas, como, por exemplo, o da indústria que investe recurso significativo no seu restaurante, mas continua tendo problemas em decorrência de hábitos alimentares de seus colaboradores. "As empresas podem ter sugestões de desafios e estudos que talvez o Centro de Inovação SESI Estilo de Vida e Saúde não vá responder, mas temos à disposição os outros Centros de Inovação, com todo um conhecimento que podemos aportar”, disse.

Ele destaca ainda que o novo Centro de Inovação tem uma missão aparentemente simples, mas, na verdade, trata-se de um grande desafio, o de promover mudanças de hábitos. O aumento das taxas de excesso de peso e obesidade e de fatores, como pressão arterial e níveis de glicose no sangue elevados, mostra que ações e iniciativas realizadas até o momento não têm atingido os objetivos desejados.

Além do trabalho conjunto com os demais Centros de Inovação SESI, o centro paulistano atuará em parceria com universidades, instituições internacionais e, principalmente, com as empresas. Nesta primeira fase, o Centro de Inovação SESI Estilo de Vida e Saúde contará com profissionais especializados em várias áreas – entre eles, médicos, nutricionistas, ergonomistas, economistas e profissionais de educação física.

Relacionadas

Leia mais

SESI ganha Prêmio de Qualidade pelo segundo ano consecutivo
Aplicativo do SESI promove saúde e bem-estar
INFOGRÁFICO: Robô Industron mostra fatos e inovações que transformaram o Brasil e a indústria nos últimos 80 anos

Comentários