SENAI lança dois novos cursos técnicos: Cibersistemas para Automação e Internet das Coisas

Instituição está capacitando profissionais para as novas tecnologias da indústria

O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), do Rio Grande do Sul lança dois novos cursos que já estão com as matrículas abertas: Cibersistemas para Automação e Internet das Coisas. Ambos estão sendo ofertados no Centro SENAI de Formação Profissional Plinio Kroeff, sediado no Instituto SENAI de Inovação em Metalmecânica, em São Leopoldo (RS), com vagas para turno da tarde e da noite, e que têm como requisitos que o aluno esteja cursando ou que tenha concluído o Ensino Médio.

Inicialmente serão 72 vagas, com possibilidade de ampliar para unidades de outras cidades ao longo do ano. As atividades técnicas relacionadas à aplicação das tecnologias da informação e da automação industrial têm apresentado um índice de crescimento elevado, com um aumento por profissionais mais qualificados que assegurem o funcionamento das plantas industriais com eficiência, confiabilidade e, também, segurança das informações. Esta é mais uma atualização do Senai, visando à indústria 4.0.

O Técnico em Cibersistemas para Automação poderá implantar equipamentos e dispositivos em sistemas de automação; integrar sistemas de armazenamento de dados dos processos automatizados em sistemas de informação corporativa e ou de engenharia; e desenvolver projetos de integração de comunicação e cybersecurity para armazenamento em larga escala, considerando as normas, padrões e requisitos técnicos, de qualidade, saúde e segurança e de sustentabilidade.

O egresso do Curso Técnico em Cibersistemas para Automação poderá atuar em empresas de manutenção industrial; de engenharia de processos; de vendas de componentes; integradoras; fabricante de máquinas e equipamentos; empresas de projetos;  de Automação Industrial e, também, como profissional autônomo.

O Técnico em Internet das Coisas - IoT terá conhecimentos para desenvolver soluções pela utilização de sistemas embarcados, implementar sensoriamento para o monitoramento e o controle automatizado de processos, e para desenvolver soluções de IoT para a comunicação de sistemas automatizados, considerando as normas, padrões e requisitos técnicos, de qualidade, saúde e segurança e de sustentabilidade.

O técnico formado poderá trabalhar em empresas de manutenção industrial, de engenharia de processos; de vendas de componentes; integradoras; fabricante de máquinas e equipamentos; empresas de projetos; de automação industrial e como profissional autônomo. Os dois novos cursos se juntam ao portfolio do SENAI-RS, somando 21 cursos técnicos presenciais e semipresenciais em dez cidades do Estado.

Os cursos são realizados nos três turnos e têm a preferência de 95,8% das indústrias na hora de contratar, conforme o Sistema de Acompanhamento de Egressos do Senai.  O SENAI-RS conta com laboratórios com equipamentos de ponta, além de recursos didáticos atualizados como livro digital, realidade aumentada, simulador 3D, laboratório remoto, jogos interativos e ferramentas de comunicação síncrona.

Nos cursos semipresenciais (automação industrial, eletroeletrônica, mecatrônica, telecomunicações, eletrônica, meio ambiente e redes de computadores), os alunos terão acesso a tecnologias educacionais, animações e recursos interativos. Mais Informações no site do SENAI do Rio Grande do Sul ou pelo telefone: 0800 51 8555.

Relacionadas

Leia mais

SENAI do Rio Grande do Sul tem laboratório validado pela Renault
VÍDEO: Tá procurando emprego? O Tem Vaga! mostra que quem faz SENAI vence a concorrência
Barco-escola Samaúma do SENAI é ouro no Prêmio Ser Humano

Comentários