FIRJAN fecha parceria com organização canadense de petróleo e gás

O acordo prevê a colaboração entre as duas entidades na aproximação de empresas baseadas no estado do Rio de Janeiro com empresas canadenses
A iniciativa também valoriza a promoção de oportunidades no ambiente de exploração e produção

Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (FIRJAN) assinou acordo com a organização canadense Canadian Global Exploration Forum (CGEF) para troca de experiências e informações no mercado de petróleo e gás natural. A formalização da parceria ocorreu agora em junho e tem duração prevista para os próximos três anos.

A CGEF é uma organização que tem como associadas empresas canadenses de petróleo e gás, e facilita a troca de experiências internacionais. O acordo prevê a colaboração entre as duas entidades na aproximação de empresas baseadas no estado do Rio de Janeiro com empresas canadenses. A iniciativa também valoriza a promoção de oportunidades no ambiente de exploração e produção onshore.

“A parceria da FIRJAN com instituições internacionais, com representação neste mercado fundamental para o Rio de Janeiro, atende aos nossos objetivos de trazer mais conhecimento e oportunidades para nossas empresas e associados. A parceria com a CGEF será muito produtiva nesse sentido”, destaca a gerente de Petróleo, Gás e Naval da federação, Karine Fragoso.

Atenta ao movimento do mercado de óleo e gás neste período de pandemia da Covid-19, a Canadian Global divulgou conteúdo que fala sobre a operação das empresas no mundo, incluindo o Brasil. Já a FIRJAN elaborou o Guia de Orientações para a Retomada Segura das Atividades, com um capítulo específico para o mercado de petróleo e gás, um dos assuntos debatidos na Websérie de Óleo e Gás da federação.

A Indústria contra o coronavírus: vamos juntos superar essa crise

Acompanhe todas as notícias sobre as ações da indústria no combate ao coronavírus na página especial da Agência CNI de Notícias.

Relacionadas

Leia mais

Parceria CNI-SOSA possibilitará que empresas brasileiras participem do desenvolvimento mundial, diz Robson Andrade
SENAI de São Paulo apoia empreendedores em edital de inovação da Petrobras
Decisão do STF que derrubou taxa sobre petróleo e gás elimina ônus ao setor, avalia CNI

Comentários