Plataforma Contrate-me torna processo seletivo mais assertivo

Gestores de RH de grandes empresas compartilham desafios para contratar e destacam importância das soft skills e da educação continuada

Recrutar talentos é um desafio. A área de recursos humanos, que chega a realizar centenas de processos seletivos por ano, com milhares de candidatos, sabe bem disso. Para entender como tem sido a seleção em grandes empresas e qual perfil de candidato buscam, a Agência CNI de Notícias entrevistou Bruna Fonseca, gerente de Pessoas da Ocyan; Michele Machiavelli, HR Business Partner na Kepler Weber; e Giusepe Giorgi, diretor de RH Pirelli.

Responsáveis pela gestão do bem mais valioso de qualquer negócio - o capital humano -, eles reconhecem que a formação de um bom time começa com um recrutamento mais assertivo e que as soft skills são até mais relevantes que as competências técnicas.


“Visto que é muito mais difícil mudar um comportamento do que aprender um novo conhecimento”, justifica Michele Machiavelli.


Ela complementa que, na Kepler Weber, essas habilidades socioemocionais significam compromisso com a excelência, respeito nas relações interpessoais, postura íntegra e apreço pela própria vida e de seus colegas. Fundada em 1925 e com fábricas no Rio Grande do Sul e no Mato Grosso do Sul, a empresa atua no setor de agronegócios, na etapa pós-colheita da cadeia produtiva de grãos.

Feira de Talentos Contrate-me

Entre os dias 23 e 25 de março, as três gigantes estiveram reunidas com outras 25 indústrias em um evento dedicado ao tema carreira. A Feira de Talentos Contrate-me, promovida pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), ocorreu de maneira on-line, com palestras e workshops.

Por meio da plataforma de seleção Contrate-me, foram abertas mais de mil vagas, para diferentes níveis e áreas. Representantes do SENAI e das empresas, além de especialistas - como um dos palestrantes mais requisitados do país, Max Gehringer - deram dicas para um bom currículo e inserção profissional.

De acordo com os entrevistados, o principal desafio está em encontrar as pessoas certas, que estejam alinhadas com a cultura da empresa e dispostas a assumir o desafio que a vaga apresenta.

A avaliação das soft skills nos processos seletivos

Bruna Fonseca, da Ocyan, afirma que essa “triagem inteligente de currículos aderentes às necessidades da cia” - proposta da ferramenta do SENAI - otimiza o recrutamento e a seleção de talentos diversos. Para ela, as soft skills, que também são avaliadas no sistema, ganham cada vez mais relevância, pois “potencializam os resultados da empresa, além de melhorar o clima organizacional e o bem-estar das pessoas”.

Sabe aquela história de “você não tem perfil para a empresa”? Pois é, para evitar que essa seja resposta recorrente dos recrutadores, o Contrate-me vai além da simples análise de currículo. Michele explica que a inteligência artificial está vindo para agregar imensamente nos processos seletivos, otimizando o tempo que os profissionais de RH destinam para analisar os currículos.

Formação técnica e continuada é diferencial

Em comum, as três empresas têm um quadro técnico representativo. Segundo Bruna Fonseca, depois de contratado, o funcionário que quiser crescer precisa se atualizar e, para essa formação continuada, eles contam com a parceria do SENAI.


“Pelas características da indústria em que atuamos, óleo e gás, a formação técnica é primordial para o desempenho das nossas atividades, sobretudo nas Unidades de Negócio. Periodicamente abrimos vagas voltadas para ensino técnico, e atualmente este público representa 12% do nosso efetivo”, estima a representante da Ocyan.


Na Pirelli, o profissional técnico, ex-aluno do SENAI, chega mais preparado para enfrentar os desafios de uma unidade produtiva e se adapta rápido, pois sua formação deu esse suporte. “Esse perfil de candidato tem muitas chances de ampliar seu desenvolvimento, alcançando, inclusive, posições de liderança”, revela Giusepe Giorgi.

Mais de 19 mil pessoas participaram da Feira de Talentos Contrate-me. Antes do evento, a plataforma já contava com 33 mil perfis cadastrados e cerca de 220 empresas, que, após o evento, vão continuar realizando seus processos seletivos pelo sistema. No marketplace do Mundo SENAI estão disponíveis milhares de cursos de aperfeiçoamento, pagos e gratuitos.

Relacionadas

Leia mais

Mais de mil vagas de emprego na Feira de Talentos Contrate-me do SENAI
Vai dar match! Conheça o Contrate-me
Especialistas defendem atualização do currículo e formação continuada

Comentários