CNPq oferece R$ 50 milhões para projetos de pesquisa no combate à covid-19

Chamada pública oferece oportunidade para interessados no desenvolvimento de pesquisa que busque encontrar saídas eficientes para os desafios impostos pela pandemia que assombra o mundo
Investir em inovação é uma das ações mais importantes para combater à covid-19

O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) lançou uma chamada pública para destinar R$ 50 milhões a projetos de pesquisa e inovação destinados ao enfrentamento da covid-19, suas consequências e outras síndromes respiratórias agudas graves.

A instituição é parceira da Mobilização Empresarial pela Inovação (MEI), liderada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), e do Inova Talentos, programa que tem como objetivo ampliar o número de profissionais qualificados em atividades de inovação nas empresas brasileiras.

Por se tratar de uma questão de caráter emergencial de saúde pública, os resultados parciais e finais das pesquisas serão encaminhados aos ministérios em tempo real ou sempre que forem requisitados. Os dados devem auxiliar na tomada de decisões e servir de subsídios para a gestão de saúde. Para a CNI, o investimento em inovação é uma das ações mais importantes para fortalecer iniciativas de combate à covid-19.

De acordo com o edital, a equipe técnica poderá ser formada por pesquisadores, alunos, técnicos e profissionais colaboradores. O responsável pela proposta deverá comprovar vínculo com uma Instituição Tecnológica e de Inovação (ICT), organismo de execução do projeto.

Os interessados terão até o dia 27 de abril para submeter uma proposta elaborada a partir de um dos sete temas relacionados a tratamento; vacinas; diagnóstico; patogênese e história natural da doença; carga de doença; atenção à saúde, além de prevenção e controle.

A iniciativa de apoio ao desenvolvimento de pesquisas científica e tecnológica destinará os recursos às propostas aprovadas. Desse montante, R$ 30 milhões serão financiados pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT), a partir do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC). 

Os outros R$ 20 milhões são do Departamento de Ciência e Tecnologia (DECIT), da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos (SCTIE), do Ministério da Saúde.

A Indústria contra o coronavírus: vamos juntos superar essa crise

Acompanhe todas as notícias sobre as ações da indústria no combate ao coronavírus na página especial da Agência CNI de Notícias.

Relacionadas

Leia mais

Edital de Inovação para a Indústria seleciona mais nove projetos de combate ao novo coronavírus
Rede voluntária mobilizada pelo SENAI já recebeu 599 respiradores hospitalares para manutenção
As mais lidas da semana na Agência CNI de Notícias

Comentários