É coisa de primeiro mundo, diz jornalista da Rádio Gaúcha sobre serviços do SESI e do SENAI

O apresentador do Programa Gaúcha Atualidade, Daniel Scola, comentou que visitou unidades em Gravataí e São Leopoldo, na Região Metropolitana de Porto Alegre, e ficou impressionado com serviços de educação e inovação
Instituto SENAI de Inovação em São Leopoldo (RS)

O jornalista Daniel Scola comentou nesta quinta-feira (15), no Programa Gaúcha Atualidade, de maior audiência da Rádio Gaúcha, que visitou unidades do Serviço Social da Indústria (SESI) e do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) em 14 de agosto e ficou impressionado com a qualidade dos serviços dessas instituições. Ele é apresentador do programa juntamente com as jornalistas Rosane de Oliveira e Carolina Bahia.

Daniel conheceu o Instituto SENAI de Inovação, em São Leopoldo, e a Escola SESI de Ensino Médio Albino Marques Gomes, em Gravataí, a convite das instituições. “O que está sendo feito é coisa de primeiro mundo em pesquisa, aprimoramento e eficiência para ajudar a indústria e no treinamento de jovens para o mercado de trabalho”, destacou. “É coisa para ser aplaudida.”

Em relação ao ensino médio gratuito do SESI, oferecido a filhos de trabalhadores, o apresentador elogiou a educação voltada para o mundo do trabalho, que inclui aulas de robótica e aprendizados práticos. “Nunca tinha visto isto: em um laboratório, três meninas  trabalhavam em projeto para desenvolver asfalto ecológico”, relatou. Ouça na íntegra:

Segundo Scola, há um equívoco quando se há intenções de cortar os recursos das entidades do Sistema S, do qual fazem parte SESI e SENAI. “Na ponta, o Sistema S está fazendo muita coisa, desde educação até inovação na indústria”, ressaltou.

A opinião foi compartilhada pela jornalista Rosane de Oliveira, que destacou a recente parceria do SESI com o Ministério da Cidadania para treinar pessoas que não trabalham e não estudam vinculadas ao Programa Bolsa Família, do governo federal. “São 800 mil jovens que serão beneficiados (até 2022) e, ao todo, serão investidos anualmente R$ 2,3 bilhões”, disse.

Relacionadas

Leia mais

Em parceria com Ministério da Cidadania, SESI vai atender 800 mil jovens até 2022
Presidente do Senado e ministro da Cidadania visitam barco-escola do SENAI nesta sexta-feira (12)

Comentários