SESI participa de Congresso Brasileiro de Panificação

Em evento que será realizado em Florianópolis, SESI divulgará em estande a nova plataforma SESI Viva+ e a série 100% Seguro para o setor de panificação
O mercado brasileiro da panificação e confeitaria movimenta cerca de 2,2% do PIB e emprega quase 3 milhões de pessoas

O Serviço Social da Indústria (SESI) participará da 31ª edição do Congresso Brasileiro de Panificação (Congrepan), realizado pela Associação Brasileira da Indústria de Panificação (Abip) de 26 a 30 de setembro, em Florianópolis. Em estande, divulgará a nova plataforma SESI Viva+ e a série de vídeos 100% Seguro para o setor de panificação. Com o tema Receita de sucesso – Alimentação Saudável, Inovação e Produtividade, o Congrepan pretende valorizar os produtos panificados como alimentos saudáveis e mostrar a necessidade de automação dos processos. 

A programação conta com conteúdo técnico, oficinas e aulas-show, comandados por ícones como os chefs: Luiz Farias (eleito o melhor pâtisserie do mundo), Rogério Shimura (padeiro da escola de panificação Levain), James Griffin (boulanger irlandês), Gunther Koerffer (confeiteiro da rainha da Suécia), Thierry Meunier (eleito duas vezes a melhor baguete de Paris) e  Jacques Paulin.

Entre os especialistas presentes também está o chef Rogério Shimura, que estará à frente da oficina sobre inovação em pães congelados. Ele vai detalhar o processo do ultra congelamento, um movimento crescente no segmento, quando o produto cru (ainda em fase de fermentação), é submetido a uma temperatura de 35graus negativos.

O uso da massa madre será discutido por uma das maiores autoridades no assunto: o alemão Peter Stolz. Comandando o fórum sobre a importância da fermentação natural nos pães especiais, Stolz vai convidar os presentes a entender a química da massa madre. Outro tema de destaque é o marketing digital nas padarias e confeitarias.

SAÚDE – A presidente da Sociedade Brasileira de Alimentação e Nutrição, Olga Amâncio, vai desmistificar a questão de que pão é vilão e salientar as possibilidades de versões e formações do produto de forma que ele seja um aliado imprescindível para a saúde.

Em relação às tendências do mercado de panificação, haverá um painel sobre a necessidade de padarias ter em suas vitrines, além dos pães tradicionais, produtos que atendam às necessidades do mercado fitness, vegano, vegetariano, entre outros. O chef francês Thierry Meunier vai ministrar oficina com o foco na introdução da farinha orgânica na baguete. A farinha orgânica, assim como grãos, são alguns produtos que estão se fortalecendo no mercado por causa dessa tendência de criação de pães mais saudáveis.

DADOS – O mercado brasileiro da panificação e confeitaria está em crescente expansão. Movimentando cerca de 2,2% do PIB e empregando quase 3 milhões de pessoas no país, o setor do nosso conhecido pãozinho francês, representa hoje um dos termômetros mais assertivos do crescimento do Brasil. “As mais de 70 mil padarias e confeitarias existentes no Brasil contribuíram para um faturamento de mais de R$ 90 bilhões em 2017”, destaca o presidente da Abip, José Batista de Oliveira. 

Paralelamente ao Congrepan serão realizados ainda dois eventos do setor: o 3º Congrejovem e o Congresso Internamericano de Panificação e Confeitaria. No último dia do Congrepan, haverá a premiação das delegações e do melhor padeiro e confeiteiro das américas.

Relacionadas

Leia mais

SESI Viva+ apoiará empresas a atender o eSocial, destaca gerente de Segurança e Saúde no Trabalho
SESI lança vídeos sobre segurança e saúde no trabalho da panificação
VÍDEO: Técnico em Panificação pode atuar em todas as áreas do setor

Comentários