Empresários conhecem a Plataforma SESI Viva+ durante lançamento em Teresina

As empresas terão impactos financeiros positivos com o auxílio da ferramenta
Um dos principais focos de atuação do SESI Viva+ é o apoio às empresas no atendimento a demandas legais relacionadas à SST e ao eSocial

Serviço Social da Indústria (SESI) do Piauí lançou, na noite de quinta-feira (11), a plataforma SESI Viva+, voltada para gestão de saúde e segurança no trabalho (SST) e promoção da saúde. A ferramenta surge como uma das mais modernas soluções nessa área, a partir da alimentação de um amplo banco de dados que ajudará os gestores na tomada de decisões. 

O evento, realizado na Federação das Indústrias do Estado do Piauí (FIEPI), reuniu dezenas de empresários, presidentes de sindicatos patronais da indústria, representantes de entidades de classe, e de instituições. O Superintendente Regional do SESI, Mardônio Neiva, representando o presidente da FIEPI, Zé Filho, fez abertura da solenidade.

Logo após, o Gerente Executivo de Saúde e Segurança na Indústria do Departamento Nacional do SESI, Emmanuel Lacerda, procedeu ao ato de lançamento da Plataforma SESI Viva+. Em seguida aconteceu à palestra "O eSocial no contexto de SST e Fator Acidentário de Prevenção (FAP) / Nexo Técnico Epidemiológico (NTEP) Custos com Acidentes e Afastamentos Acidentários", a cargo do médico do trabalho, escritor e consultor Gustavo Nicolai.

“As empresas terão impactos financeiros positivos com o auxílio da ferramenta, já que a gestão se tornará mais eficiente e, consequentemente, reduzirá custos com a saúde, que já é a segunda maior conta, perdendo apenas para a folha de pagamento”, disse Emmanuel Lacerda, durante a sua apresentação. Ele destacou ainda o quanto a Plataforma é importante para diminuir o “rombo’ da Previdência e o prejuízo das empresas, que paga os 15 dias durante o afastamento do funcionário. São mais de 70 bilhões desperdiçados anualmente”, concluiu.

Para o superintendente do SESI-PI Mardônio Neiva, o Departamento Regional já tem feito muita coisa nessa área de SST. “São milhares de trabalhadores atendidos pelos diversos produtos que contemplamos em várias empresas dos mais diversos setores”, afirma

O Diretor de Relações Institucionais da FIEPI, Everton Pinheiro, ressaltou que o SESI Viva+ chega para atender as demandas da indústria brasileira, em especial a piauiense quanto à necessidade de administrar de forma mais eficiente a qualidade de vida dos trabalhadores.

“Com essa plataforma, agora tenho certeza que nós empresários teremos acesso à soluções adequadas que nos ajudarão nos desafios diários de modernizar a gestão, com claros ganhos de produtividade, além da promoção do bem-estar dos nossos trabalhadores”, disse o empresário do segmento gráfico, Luis Andrade.

“Acredito que a saúde e segurança no trabalho em nosso estado ainda tem ficado em segundo plano, mas com o eSocial, veio a tona a necessidade de estarmos preparados e saber como informar corretamente isso ao governo federal sob pena de receber multas. É muito importante esse alerta e apoio do SESI aos empresários, assim como uma oportunidade de mostrar como reduzir custos e economizar dinheiro nas empresas”, disse a Conselheira do CRC/PI, Gretha Anice Furtado Ribeiro.

Segundo o presidente da FIEPI, Zé Filho, a Plataforma é dos principais instrumentos para vencer os desafios da indústria na área de SST, porque é moderna e traz uma série de soluções que, inclusive, algumas já são realizadas aqui. “Então além do argumento de atendimento de demandas do eSocial, a ferramenta tem vários outros adicionais e é um grande exemplo de uso da tecnologia no atendimento das demandas das empresas, sejam elas pequenas ou grandes”, ressalta.

Segundo Emmanuel Lacerda, as empresas terão impactos financeiros positivos com o auxílio da ferramenta

Um dos principais focos de atuação do SESI Viva+ é o apoio às empresas no atendimento a demandas legais relacionadas à SST e ao eSocial, sistema unificado do governo para envio de informações fiscais, trabalhistas e previdenciárias dos trabalhadores.

A próxima etapa é implantar a plataforma nas empresas que contrataram o programa e seguir com a atuação integrada, no âmbito regional e também nacional. O SESI Viva+ é uma nova solução que contribui na gestão dos processos de Segurança e Saúde no Trabalho e apoia a redução dos custos com saúde, afastamentos e redução do risco legal na indústria.

Marcaram presença no evento, a Diretora Corporativa do Sistema FIEPI, Ana Paula Lacerda, os presidentes de sindicatos patronais da indústria piauiense: Robério Cantalice (Artefatos de ferros), James Hermes (Abigraf) Andrade (Sigrat), Kalina Area Leão (Pré-moldados), Marcos Fernandes (Vestuário), além do diretor da unidade do Sest Senat em Teresina, Cristian Campelo.

Relacionadas

Leia mais

21 dias para mudar hábitos e ter uma rotina mais saudável
SESI e ANS se reúnem para debater melhorias no sistema de saúde suplementar
SESI participa de campanha de promoção da segurança e saúde no trabalho

Comentários