SENAI Pará prepara competidor para a WorldSkills

Aluno paulista está em Belém desde janeiro e treina para disputar na modalidade manutenção de veículos pesados na WorldSkills
Paulo Fratta, de São Paulo, se prepara para a WorldSkills em Belém (PA)

A Feira da Indústria do Pará (FIPA), maior vitrine do setor industrial paraense, recebeu a visita do jovem paulista Paulo Fratta, 18 anos, um dos representantes do Brasil na WorldSkills, a maior competição de educação profissional do mundo, que ocorrerá em Kazan, na Rússia, em agosto deste ano.

Paulo, que disputará na modalidade Manutenção de Veículos Pesados, está em Belém desde janeiro para o treinamento na unidade do SENAI CEDAM, considerada uma das referências nacionais de formação no segmento automotivo.  

Aluno do SENAI/SP vai competir na ocupação manutenção de veículos pesados

Para se habituar ao ambiente e às ferramentas utilizadas na competição internacional, Paulo Fratta vai à Rússia, agora em maio, para participar, como convidado, da seletiva nacional da WorldSkills do país sede.

A pouco tempo de encarar o desafio, ele diz que está preparado para a competição. "O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) em Belém oferece uma estrutura muito boa, tanto na parte teórica quanto na prática. O Pará é um polo importante da mineração e na minha modalidade de veículos pesados é muito difícil treinar nesses equipamentos em São Paulo, por conta do custo e da própria disponibilidade das máquinas. Em Belém as empresas abriram as portas e estou conseguindo treinar em vários equipamentos”, explicou o competidor.

Paulo Fratta durante treinamento no SENAI CEDAM, em Belém (PA)

Ele também elogiou a qualidade educacional do SENAI CEDAM.  “A equipe técnica do SENAI também me acompanha no dia a dia e repassa muita experiência e aplica simulados nos equipamentos. Isso tudo contribui bastante para um bom resultado. Saio de Belém para a competição agradecido e confiante no resultado", comemorou Fratta.

A WorldSkills é organizada pela WorldSkills International, entidade que trabalha desde 1950 para o desenvolvimento e a excelência das ocupações técnicas. O torneio reúne competidores de várias partes do mundo e é realizado em um país diferente a cada dois anos. Na última edição em 2017, em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos, o Brasil ficou em 2º lugar geral.

Competidor diz que está preparado para a WorldSkills/2019

Relacionadas

Leia mais

Barcos-escola do SENAI recebem homenagem na Assembleia Legislativa do Amazonas
VÍDEO: Bora pilotar um drone? Tem curso novo no Tem Vaga!
SENAI Amapá lança curso de pilotagem de drones

Comentários